Galera Vermelha

Vereador do PT de Sumaré discute ocupações irregulares e aprova LDO 2019

Willian Souza lembrou que nos governos Lula e Dilma a cidade recebeu mais de 7 mil moradias

Na sessão desta terça-feira (22) da Câmara de Sumaré, município do interior de São Paulo, o vereador Willian Souza (PT) discutiu a questão da moradia na cidade e os desafios enfrentados pela classe trabalhadora diante de uma crise econômica descomunal, lembrando os tempos do tucano FHC. De acordo com o parlamentar o custo de vida é cada vez mais alto, com desemprego desenfreado, inflação nas alturas e frequentes reajustes no preço do gás de cozinha, energia elétrica, combustível, alimentação e aluguel.

Segundo Souza, neste cenário restam poucas escolhas para a população mais pobre, que faz malabarismo para sobreviver com um salário mínimo, e ocupar terra sem função social é uma das poucas opções. “Compete ao Poder Público buscar soluções para os problemas sociais causados por políticas econômicas, que atendem os interesses de meia dúzia. Só para lembrar nos governos Lula e Dilma cerca de mais 7 mil apartamentos vieram para Sumaré”, destacou.

Outro tema tratado pelos vereadores, no plenário, foi a aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que estabelece as metas e prioridades da administração pública para a elaboração do Orçamento Municipal para 2019. “Temos um orçamento previsto em R$ 769 milhões, valor 5,19% maior que no exercício atual, que é de R$ 731 milhões”, finalizou.

Tags
Veja mais
Close