Diário do Golpe

Moro contraria STF e transforma Lula em refém da República de Curitiba

Juiz vai contra decisão da segunda turma do Supremo

Contrariando decisão da Segunda Turma do STF, o juiz de primeira instância Sérgio Moro, decidiu que, por enquanto, a ação penal contra o presidente Lula, no caso do Sítio de Atibaia, do triplex do Guarujá e o Instituto Lula,  em São Paulo, deve prosseguir em Curitiba. A decisão desta quinta-feira (26) é válida até o julgamento de exceção de incompetência impetrada pela defesa do presidente Lula.

Fonte: Poder360

Tags
Veja mais
Close