Galera Vermelha

Eduardo Costa que apoia Bolsonaro desrespeitou mulheres e tentou mamar nas tetas do governo

Cantor que está ao lado do fascista, tem histórico complicado com namoradas além de acreditar que é melhor que os outros

Antes de manifestar o seu apoio ao candidato Bolsonaro, representante da direita fascista e preconceituosa no Brasil, o cantor sertanejo Eduardo Costa mostrou seu perfil machista nas redes sociais.

Em vídeo publicado no Instagran, em agosto, o cantor acusa sua namorada Victória de “não ter vergonha na cara e ser filha da p***”. Costa criticava a roupa que ela estava usando em uma academia e chegou a fazer a pergunta: “Isso é roupa da mulher vir para academia?”.

Conhecido por usar seu sucesso financeiro para prevalecer sobre outras pessoas, Eduardo Costa, ficou conhecido por tentar se beneficiar de dinheiro público para ter privilégios em 2017.

Em um áudio vazado para a internet Costa reclamava, a uma servidora pública, que a Prefeitura de Capitólio (MG) não queria comprar para ele uma mansão na cidade e nem queria dar segurança a residência dele usando a Guarda Civil.

No mesmo instante o prefeito o prefeito José Eduardo Terra Vallory (PT) respondeu: “Você acha que a Prefeitura está doida da cabeça em dar uma casa de R$ 6 milhões parar você? A Prefeitura aqui está precisando de verba pra segurança, creche, escola, merenda escolar. Você acha que é quem rapaz? Toma vergonha na sua cara. E tem mais você não faz falta nenhuma. Quer conquistar as coisas é trabalhando”, finalizou.

Tags
Veja mais
Close