Galera Vermelha

CORONAVÍRUS: ALEXANDRE PADILHA E LIDERANÇAS DO VALE DO PARAÍBA BUSCAM FORMAS DE PROTEGER POPULAÇÃO

Ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha ao lado de Carlinhos Almeida ex-prefeito de São José dos Campos, fizeram uma LIVE no Facebook, nesta segunda-feira (23) com lideranças da macro do Vale do Paraíba, sobre os desafios e formas de proteção diante da pandemia do COVID-19.

Para Padilha existem pontos importantes que devem ser priorizados por todos os governos para proteger a população de forma integral: “A rede pública precisa se organizar para aumentar a informação sobre a necessidade de isolamento social, aumentar a distribuição de testes, criar formas eficazes para cuidar das pessoas em situação de rua e gerar uma forma de aumentar os leitos em hospitais e ampliar o Programa Mais Médicos. Estamos em fase primária, em razão do início do outono-inverno, precisamos buscar formas de reduzir o contágio da população”, informou o ex-ministro.

O agravamento do coronavírus no Brasil e em todas as cidades do estado de São Paulo tem gerado um sinal de urgência na articulação política de saúde entre as regionais e os governos atuais. As cidades do Vale do Paraíba são mais algumas com poucos leitos e sem o número necessário de testes para aplicar na população: “Os governos federal e estadual precisam trabalhar diariamente para reduzir os contágios, como também dar informações válidas e reais ao que está acontecendo tanto na questão de saúde, quanto na questão de economia. Nosso hospital municipal já está com leitos cheios e não temos ainda confirmação da prefeitura de aumento de leitos. Além disso falta por parte da prefeitura uma proteção aos trabalhadores, que estão desprotegidos na situação econômica do país”, informou Wagner Baleeiro, vereador do PT em São José dos Campos.

Durante o debate foram discutidas algumas formas onde as prefeituras possam trabalhar em favor da população, tendo em vista que prefeitos, governador e o presidente estão atuando contra os trabalhadores de forma geral: “Faltam leitos e nossa cidade não tem UPA, conseguimos uma unidade do SAMU durante o governo da presidenta Dilma. Precisamos de formas que criem novas unidades e contratem servidores de saúde na cidade”, declarou Dr. Paulo Roitberg, ex-prefeito de Caçapava e ex-secretário de saúde de São José dos Campos. Em Taubaté a situação não é diferente, como informou Salvador Khuriyeh, ex-prefeito e ex-deputado estadual: “Aqui temos muitas preocupações e um número elevado de casos suspeitos de coronavírus, o que chama atenção e assusta a população. Todos tem contribuído com a questão do isolamento social, mas precisamos aumentar as formas de proteger os moradores e moradoras da cidade e levar um atendimento de saúde preparado a todos”.

Existem medidas urgentes que precisam ser tomadas por governantes, conforme foi colocado  por José Mello, ex-assessor de imprensa da Casa Civil no governo Lula: “Vivemos em um momento de humanidade, membros do nosso partido estão trabalhando em defesa de formas de assistência social à população, como a distribuição de merenda escolar para as crianças”, além do coronavírus existe uma crise social e econômica preocupando a população brasileira, “A população precisa verificar como os representantes que receberam seus votos nas últimas eleições estão se posicionando na situação atual. Todas as crises servem como forma de verificar quem está disposto a cuidar da população em geral”, concluiu Maurício Moromizato ex-prefeito de Ubatuba.

O debate deixou em evidência a necessidade da população que se enquadra no grupo de risco (idosos, gestantes, crianças de até 6 anos, pessoas com doenças crônicas ou em tratamento imunodepressores e os profissionais da saúde e população carcerária) sejam vacinados contra a Influenza. As vacinas começaram a ser aplicadas hoje (23/03) e ficaram disponíveis até o dia 15/04.

O ex-ministro Alexandre Padilha também deixou disponível o seu canal diário no WhatsApp com orientações e informações para a população sobre o COVID-19, basta enviar uma mensagem para o número (11) 97581-4398.

 

Assista à transmissão completa acessando este link:

Veja mais
Close