Galera Vermelha

Benedita da Silva denuncia estratégia golpista de Temer para extinguir Fundo Soberano

Deputada destaca que presidente golpista quer usar recursos para bancar campanha de Meirelles e ajudar banqueiros

Na tarde desta quarta-feira (23) a deputada federal pelo Rio de Janeiro, Benedita da Silva do PT, usou a tribuna para denunciar a estratégia golpista de Temer com a edição da Medida Provisória que extingue o Fundo Soberano do Brasil (FSB). A medida, anunciada há dois dias, segundo a petista tem motivos perversos.

O Fundo Soberano, que funciona como uma espécie de poupança para o país em tempos de crise, foi criado pelo governo do presidente Lula, em 2008.

Segundo Benedita da Silva, o presidente golpista quer agora usar esses recursos para bancar a campanha de Meirelles a Presidência da República e ajudar os banqueiros brasileiros que tem interesse neste dinheiro. “Chegou nesta casa ontem uma MP para extinguir o Fundo Soberano pelo Temer.  Será que é pra fazer caixa para campanha do Meirelles? Porque este Fundo Soberano é um fundo de poupança feita pelas riquezas que o Brasil produziu nos anos de crescimento econômico e durante o governo do PT”, destacou.

A parlamentar lembrou ainda que o objetivo do Fundo Soberano, é ser utilizado na estabilidade da economia, para promover os investimentos em ações e projetos de interesse nacional. Mas como Temer está entregando o país, não há mais interesse nacional nenhum. “É evidente que o Meirelles já aconselhou o Temer que ele precisa acabar com o Fundo Soberano, e estamos vendo que com esta canetada ele cumpre o que a despesa do governo com as benesses que eles tem feito aos grandes bancos”, disparou a petista. Até fim de 2017 o Fundo Soberano já tinha contabilizado R$ 26 bilhões.

Tags
Veja mais
Close