Galera Vermelha

Bebel apoia proposta de Marinho para valorizar salários de professores de SP

Luiz Marinho disse no Roda Viva que vai dobrar piso salarial para professores da Educação Estadual

A presidenta licenciada do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp), Maria Izabel Azevedo Noronha, a Bebel (PT), que é pré-candidata a deputada estadual, usou o seu perfil do Facebook para repercutir a proposta do pré-candidato ao governo do Estado de SP, Luiz Marinho (PT) de dobrar o piso salarial dos professores da rede estadual de ensino de São Paulo em 4 anos de governo. A ideia foi apresentada pelo petista na noite desta quarta-feira (04), no programa Roda Viva da TV Cultura.

Segundo Bebel, esta é uma luta do magistério paulista, e a Apeoesp sempre esteve na linha de frente dessa reivindicação. “Na greve de 92 dias em 2015, fomos a primeira entidade do Brasil a lutar pela efetivação da meta 17 do Plano Nacional de Educação, que coloca a questão da valorização profissional na perspectiva correta, vinculada à formação dos professores e demais profissionais com formação de nível superior. Isto significa investir na qualidade do ensino”, ressaltou.

De acordo com Bebel, que acredita nas propostas de Luiz Marinho para São Paulo, os tucanos do PSDB nunca tiveram interesse em fazer isso acontecer. “Estudos do Dieese apontam que o cumprimento da meta 17, no estado de São Paulo, exige um reajuste de pelo menos 75,33%. É necessário um plano para que este patamar seja alcançado, mas o governo do PSDB sequer negociou”, disparou.

A petista disse ainda que, como liderança da categoria e militante do PT, propôs a Marinho que adote o Plano Estadual de Educação como o eixo norteador de seu programa para o setor no estado. “Marinho tem compromisso com educação de qualidade e sabe que a valorização dos profissionais do setor é fundamental para que a rede estadual de ensino corresponda às necessidades educacionais dos filhos e filhas da classe trabalhadora”, finalizou.

Tags
Veja mais
Close